E-Sports Especiais Jogos

Alemanha reconhece E-sports como esporte

Hoje tivemos mais uma grande vitória nos e-sports. Não foi nada relacionado a algum título de algum brasileiro ou algo assim, mas o reconhecimento dos jogos eletrônicos como esporte. A Alemanha juntou-se à Coréia do Sul, China, Rússia, Itália e África do Sul ao reconhecer oficialmente os esports.

Além de ser um outro impulso para a aceitação esperançosa dos esports nos Jogos Olímpicos, os clubes alemães agora poderão solicitar o status sem fins lucrativos. Isso significa que eles terão direito a impostos comerciais reduzidos, ao mesmo tempo em que também será mais fácil para os jogadores de esports estrangeiros competirem na Alemanha.

Hans Jagnow, presidente da associação nacional de esports da Alemanha, expressou sua alegria no reconhecimento oficial em comentários ao Deutsche Welle .

É uma ótima notícia, mas também não é uma surpresa. Foi precedido por um longo diálogo. Após o processo de diálogo, foi determinado que os e-sports não só tem um enorme aspecto econômico, mas também tem um componente social. Este reconhecimento simplesmente impôs que os e-sports também tem um componente social

O reconhecimento oficial também pode ser visto no investimento do Estado em instalações e estádios no nível das bases, bem como o subsidio de equipamentos.

Ao dar esse reconhecimento aos e-sports, o governo alemão apoiou uma disciplina que será um evento principal nos Jogos asiáticos de 2022 em Hangzhou.

Há, no entanto, um conflito de interesses, já que a Confederação Esportiva das Olimpíadas Alemãs se recusou a reconhecer os e-sports no passado, preocupado com a falta de movimento que possa causar problemas de saúde.

Uma barreira potencial para a aceitação olímpica poderia ser o uso de videogames violentos como disse presidente do Comitê Olímpico Internacional da Alemanha, Thomas Bach, dizendo recentemente que eles precisam “desenhar uma linha clara” ao aceitar algo “sobre violência, explosão e matança”. O presidente da associação nacional de esports da Alemanha respondeu Bach.

Temos muita diversidade nos e-sports, desde simulações esportivas até jogos de estratégia e jogos de fantasia. Eles não são jogos de tiro em primeira pessoa. São grandes, e muitos populares. Muitos jogos têm uma classificação por idade. Counterstrike é para maiores de 16, League of Legends é 12 mais e FIFA é para todas as idades”.

  • Compartilhe: